Diversidade de espécies de árvores, Brasil é o maior do mundo!

Diversidade de espécies de árvores no Brasil é a maior do mundo! Uma pesquisa realizada pelo Botanical Gardens Conservation International (BGCI) confirmou o que já sabíamos.

O estudo foi publicado em março de 2017 no Journal of Sustainable Forestry e aponta cerca de 8.715 espécies de árvores identificadas no Brasil, ou seja, cerca de 15% das 60.065 espécies que existem no mundo.

Geograficamente, o Brasil, a Colômbia e a Indonésia são os países com que possuem um maior número de espécies arbóreas, refletindo em uma maior tendência de espécies endêmicas, ou seja, aquelas que são encontradas exclusivamente nesses países.

O mapeamento e conhecimento das espécies é um passo importante na avaliação do estado de conservação e da dinâmica florestal, assegurando a promoção do bom manejo da diversidade de plantas.

Algumas famílias e gêneros também são apresentados nesse estudo, como demonstram os gráficos a seguir.

 

 

 

 

 

 

 

As espécies de árvores que ocorrem em maior ou menor quantidade, apresentam diferentes características morfológicas e
fisiológicas, que influenciam no seu crescimento e nas taxas de absorção de CO2. Por isso, os cálculos que estimam a
quantidade de carbono absorvido pelas árvores devem levar em consideração as espécies de árvores individualmente..

As compensações ambientais para projetos de restauração ou conservação de áreas florestais, também devem levar em
consideração as diferenças entre as espécies de árvores, promovendo a maior diversidade, bem como, o resgate da
funcionalidade do ecossistema.

A Ybirá desenvolveu um método para calcular o carbono a partir das espécies de árvores, individualmente. Estimativas do
carbono absorvido muitas árvores juntas em uma comunidade, podem apresenta erros grosseiros.

O nosso método permite contabilizar o carbono absorvido pelas árvores com mais precisão, além da confiabilidade é
coadjuvante de processos de certificação.

Procure a Ybirá Projetos Ambientais para realizar seu projeto de compensação das emissões de CO2 a partir do plantio de
árvores.

Leia mais em:

E. Beech, M. Rivers, S. Old field & P.P. Smith (2017): Global Tree Search – the first complete global database of tree
species and country distributions, Journal of Sustainable Forestry, DOI: 10.1080/10549811.2017.1310049

O link para o artigo: http://dx.doi.org/10.1080/10549811.2017.1310049

Deixe uma resposta

Como podemos lhe ajudar?

Contate um de nossos Representantes Comerciais e peça um orçamento sem compromisso.